Les garçons, et Guillaume, à table!


Les garçons, et guullaume, à table

Daí, Teresa, você vem e me diz para prestar atenção a esse filme, pois iria aprender o que, de fato, mais distingue as mulheres…

Assisto e vejo um filme sobre um rapaz que decidiu escrever uma peça sobre uma pessoa que resolve aceitar sua heterosexualidade, numa família que diziam que ele era homossexual…

Enfim, de fato é que, apesar de não gostar muito de sinopses, acho que essa foi muito bem escrita:

“A primeira lembrança que tenho da minha mãe é de quando eu tinha quatro ou cinco anos. Ela nos nos chama, meus dois irmãos e eu, para jantar dizendo sempre, “Os meninos e Guillaume, à mesa” e a última vez que falei com ela ao telefone, ela desliga, dizendo: “um beijo minha querida”. Então… bem dizer que entre essas duas frases existem alguns mal-entendidos…”

 

Filme em:

http://laranjapsicodelicafilmes.blogspot.com.br/2014/04/eu-mamae-e-os-meninos-2013.html
 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s